Vera Bocayuva Mindlin

Obras disponíveis no acervo


Vera Bocayuva Mindlin

Vera Maria Bocayuva Cunha Mindlin (1920: Rio de Janeiro – 1985: Idem).

Gravadora e pintora.

“Apesar de sua rápida e curta aproximação à arte abstrata, Vera Mindlin se firmou a partir de dois temas (e os temas sempre marcantes na gravura brasileira): pássaros e máquinas. (…) Assim, com os dois temas, Vera Mindlin trabalhou opostos, que afinal se encontram. Com os pássaros queria voar, libertar seus sonhos de mulher e artista. Com a máquina pesada, plantada no chão, masculina, dava ênfase ao ofício, ao artesanato que sempre acompanha o duro ofício do gravador. Artista-artesã.” (Frederico de Morais. “Pássaro, máquina. O sonho e o ofício de Vera gravados” in: O Globo, 11 de abril de 1985).

Sua formação artística incluiu estudos de gravura com Oswaldo Goeldi, Iberê Camargo e Pedro Correia de Araújo, no Rio de Janeiro, de escultura com August Zamoyski, na mesma cidade, de pintura com Fernand Léger e André Lhote, em Paris; e de litogravura com Jean Pons, também em Paris.

Suas obras integram os acervos do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, do Museu de Arte Moderna de Nova York e da sala brasileira da Pinacoteca Nacional de La Paz, na Bolívia.
Foi casada com o arquiteto Henrique Mindlin, irmão do bibliófilo José Mindlin.